Costelinhas com repolho roxo

Facebooktwittergoogle_plusredditmail
Print Friendly, PDF & Email

Costelinhas-2

Quando o tempo é escasso e a fome grande é melhor a gente se socorrer em combinações clássicas e bons fornecedores. Foi o que fizemos num sábado em que havia muitas tarefas e um desejo incontrolável de fazer uma refeição em casa, com a tranquilidade que se merece. No caminho para casa passamos no açougue de confiança e arrematamos uma costelinha suína temperada. Mas não é daqueles temperos industriais cheios de químicos que deixam a carne cor de rosa. Tempero caseiro, especial e aromático, ideal para quando não há tempo de prepararmos a própria marinada.

Já em casa cortamos as costelinha entre os ossos e colocamos os pedaços na tal “fritadeira sem óleo”, que na verdade é um tipo diferente de forno, com a vantagem indiscutível de que a sujeira que produz é mínima. Temperatura máxima e timer regulado para 25 minutos.

Tempo suficiente para preparar um acompanhamento. Na frigideira quente com um fio de azeite colocamos uns grãos de mostarda (branca e preta) esmagadinha no pilão com uns grãos de pimenta do reino. Aí juntamos meio repolho roxo, bem fresquinho, cortado em tirinhas finas e meia cebola pequena picada bem miudinha. Enquanto as folhas amaciavam no calor, temperamos com sal e suco de uma bergamota. Ao final um tantinho de salsinha picada. Nada mais.

Com as costelinhas no ponto, suculentas por dentro e crocantes por fora, nos refestelamos na combinação saborosa. Precisa de quê mais?

 

One Comment

  1. Carlos Galvao Gomes do Nascimento says:

    Otimo

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*