Sanduíche “com o que tinha”

Print Friendly

Os melhores sanduíches são aqueles que nascem do desafio de buscar sentido para o que se tem disponível em casa. Quando a gente acerta sempre é uma alegria.

Nesta caso eu tinha passado na padaria e comprado dois pãezinhos “de metade” ou “bundinha” ou “cervejinha”. Mas pão bem fresquinho, delicioso.

Na geladeira havia só o mais básico. Queijo e presunto fatiados e ovo. Achei uma cebola roxa, um tomate e também e um ramo de salsinha. E assim nos viramos…

Abri o pão na largura e fiz uma base bem rala de maionese na parte de baixo. Na de cima um pouco de mostarda. Numa frigideira pequeninha, primeiro fritei um ovo com clara e gema mexidas com sal e pimenta, num ponto em que o ovo não ficou seco. Como a frigideira é pequena o ovo ficou redondinho, na mesma proporção do pão.

Coloquei o pão no ovo e, de volta a frigideira, coloquei uma fatia de presunto, duas de queijo e mais uma de presunto. Virei quando o queijo começou a amolecer e acomodei no pão, sobre o ovo.

Cortei a cebola em tirinhas e refoguei até caramelizar, com um pouco de sal e pimenta. E foi para cima do presunto com queijo.

Para finalizar, fatias finas de tomates temperadas com sal e azeite e um punhado generoso de salsinha (não tinha mesmo nada de verde na geladeira), que dá um perfume gostoso ao sanduba.

Ficou muito legal e mantive a ideia de aproveitar a textura do pão como estava, sem levar ao forno nem prensar.

Pode ser só um sanduba “com o que tinha”, mas ficou ótimo.

 

3 Comments

  1. Ah, bem que eu senti um aroma de salsinha entrando pela janela…

  2. o melhor é usar a criatividade e abusar do que temos em casa!!! o resultado é melhor do que o esperado!

    http://deliciasdaisa.blogspot.com.br/

  3. Hoje o meu almoço foi assim. Feito com o que tinha. Tão boas estas sugestões.
    Um bjs.
    Patrícia

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>