Maionese (falsa) de batata

Facebooktwittergoogle_plusredditmail
Print Friendly

maionese-2

O tradicional molho de maionese e suas múltiplas atualidades causa além de encantos, pânico em quem pensa na quantidade de óleo que compõem o danado. Mas para muita gente é difícil pensar em saladas sanduíches e petiscos sem esta iguaria.

Pensando em evitar o excesso de gordura relembrei um molho que minha mãe fazia para meu pai depois que ele teve um piripaque cardíaco que resultou em algumas pontes de safena. Dona Norminha saciava o paladar do seu Flávio com um molho feito com batatas e leite, com resultado bacana no visual e no sabor. Parece mesmo a pesada maionese de óleo e ovos.

Cozinho uma batata média descascada e picada em cubos, até ficar bem mole. Resfrio em água corrente e boto no liquidificador com um pouquinho de leite gelado. Vou batendo e acrescentando leite até obter a textura que desejo. Dependendo do uso, mais ou menos firme.

Aí temos a base para “brincar” com o que se quiser. Pode-se acrescentar um ovo ou gema, para ajudar na textura, um fio de azeite de oliva,etc… Para temperar vale sal, pimenta, um dentinho de alho, suco de limão… o que a imaginação mandar.

No nosso caso, aí da foto, coloquei duas gemas (que estavam de bobeira na geladeira), um dentinho de alho e um bom maço de ervas frescas: salsinha, tomilho, orégano e manjericão. Ficou um espetáculo para integrar sandubas de todo tipo.

Um detalhe importante é que a durabilidade é muito maior do que a maionese tradicional. Fica uma semana na geladeira sem problema nenhum.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*