Spaghetti ao sugo e bife à milanesa

Tem coisas que não tem erro. Um spaghetti ao sugo com um bife a milanesa, por exemplo. Um jantarzinho rápido que se produz embalado por boa conversa na cozinha para levar a mesa o sabor inconfundível da simplicidade.

Os bifes de miolo de alcatra (particularmente acho alcatra uma carne muito saborosa) foram temperados com sal, pimenta, ervas finas e um pouquinho de molho inglês. E depois foram empanados na forma tradicional: farinha de trigo, ovo batidos (usamos dois) e a capa final com farinha de rosca. O incremento ficou por conta das sementes de linhaça dourada misturadas à farinha de rosca. Depois a fritura em imersão, recurso que evitamos usar, mas que às vezes a gente se permite.

O molho para o spaghetti também é básico. Na falta de cebola, deixei fritar um dente de alho amassado, mas retirei logo que ele começou a ficar “dourado demais”. O seu sabor já estava no azeite que fez fundo na panela. Depois veio uma lata de tomate pelado que amassamos com um garfo na própria panela. Sal, pimenta seca e um ramo farto de manjericão foram os temperos. E deixamos o molho curar em fogo baixo por uns 20 minutos.

Com o spaghetti al dente foi só adicionar o molho e o parmesão ralado. E com esta refeição simples e saborosa encerramos mais um dia de trabalho. Ficou muito bom.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 pensamentos em “Spaghetti ao sugo e bife à milanesa”