Escondidinho de bacalhau

escondidinho de bacalhau

Bacalhau sempre é bom. É versátil e abre sempre um oceano de possibilidades de exploração de seu sabor inigualável. Aqui utilizamos o peixe para fazer uma entrada que impressiona pela aparência e, claro, por ser muito gostosa. Chegou a vez do escondidinho de bacalhau!

A ideia é simples: cobrir um refogado de bacalhau com uma camada cremosa de purê de mandioca (ou aipim, como preferirem chamar). Dá um certo trabalho, mas vale a pena.

Pode-se comprar bacalhau em lascas. Os supermercados geralmente oferecem esta opção, que é bem mais econômica do que comprar o lombo. Lembre que o bacalhau deve ser dessalgado por pelo menos dois dias: fica de molho em água na geladeira e troca-se muitas vezes a água.

Refogado de bacalhau

O refogado se faz sem nenhum trabalho: em um bom azeite de oliva refoga-se cebola em fatias muito finas e um pouquinho de pimentão vermelho picado bem miudinho (opcional). Em seguida o bacalhau em lasquinhas já cozido (o bacalhau pode ser cozido em água  ou leite. Coloque-o no líquido já quente e deixe por uns cinco minutos. O processo é rápido mesmo, apenas para dar a ele a firmeza do cozimento.)  Tempera-se com sal (se precisar) e pimenta a gosto. Opcional um punhado final de salsinha. O refogado está pronto.

Se você gosta de azeitonas, pode colocar umas das pretas, picadinha. Mas nesta caso eu prefiro ressaltar o sabor do bacalhau, sem concorrência.

Purê de mandioca

Cozinha-se a mandioca até ficar bem macia e então passamos ela por um espremedor (ou amasse com um pilão) até formar um purê que a gente amacia com um pouco de creme de leite até achar a textura desejada. Gostamos dele mais acetinado. Tempera-se também com sal e pimenta.

Montagem

Como era uma entrada, montamos sobre conchinhas de vieiras, mas pode-se fazer em qualquer tipo de forminha, ou mesmo em porções maiores. Na base vai uma porção do refogado que cobre-se caprichosamente com o purê. Por cima de tudo um toque de queijo ralado. Vai ao forno para gratinar até o queijo fazer uma “casquinha”.

Fica um show de sabor e apresentação.

escondidinho bacalhau

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um pensamento em “Escondidinho de bacalhau”