Medalhão com bacon, batata assada e salada com quinua

Facebooktwittergoogle_plusredditmail
Print Friendly, PDF & Email

Filet

Um medalhão de filet mignon envolto numa grossa fatia de bacon faz parte do imaginário de todos os glutões, especialmente dos bem carnívoros. E, cá para nós, é uma delícia! Então, às vezes a gente investe nesta maravilha clássica e procura encontrar acompanhamentos interessantes.

Para fazer o nosso medalhão cortamos um pedaço de uns três dedos de espessura do meio do filet. Na verdade medimos pela largura da fatia de bacon que, aliás, era um artesanal carnudo e muito saboroso. Enrolamos o bacon na carne e temperamos as faces expostas da carne com uma mistura de sal grosso, pimentas (branca, preta, rosa e verde), alecrim e tomilho, tudo socado num pilãozinho.

Depois levamos os medalhões montados e temperados para selar a carne dos dois lados numa frigideira muito quente e logo depois foi tudo para o forno bem quente para concluir o cozimento. Mas lembre de que a carne deve ficar rosada por dentro, sem passar demais. Foram uns 10 minutos de forno.

Batata assada

Para fazer jus ao medalhão, preparamos uma batata cheia de estilo. Primeiro demos nela um leve cozimento no micro-ondas, só para dar uma leve amaciada. Depois com uma faca pequena e afiada cortamos as pequenas fatias mantendo-as ligadas pela parte inferior, onde o corte não chegou. Aí cuidadosamente colocamos entre as fatias galhinhos de tomilho, flor de sal e, por fim, um fio de azeite de oliva.

A batata foi para o forno junto com a filet e como estava pré-cozida em 15 minutos estava dourada e crocante nas partes externas.

Filet

Salada com quinoa

Para ir um pouco além da salada tradicional de folhas e tomate, preparamos uma porção de quinua para incrementar. Apenas cozinhamos os grãos até ficarem macios (é muito rápido). Escorremos e reservamos para esfriar . Enquanto isso refogamos num fio de azeite uma porção pequena de cebola cortada em cubinhos bem pequenos. Depois refogada e já fria temperamos a cebola com sal, pimenta e mais azeite, para fazer um azeite perfumado. Com esse molho temperamos a quinua e servimos junto com o tomate e as folhas de alface, que também receberam o molhinho.

Não é uma refeição para lá de gostosa?

 

One Comment

  1. Esta receita é antiga e muito saborosa. É um dos pratos top sempre que recebemos alguém novo no circulo de amigos.

    Não é tão fácil de fazer, mas é refinada e uma delícia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*